Quando você inicia um projeto (seja um site, aplicativo, software ou qualquer que seja), é natural que surjam várias dúvidas, como por exemplo, sobre o que realmente precisamos e quais são os objetivos reais do trabalho.

Nem sempre temos todas as informações que precisamos para começar um projeto. Às vezes, isso acontece porque o briefing não foi tão completo quanto desejamos ou porque a equipe tem visões muito diferentes sobre o mesmo projeto.

Ter percepções diferentes não é necessariamente algo ruim. O problema começa quando desperdiçamos muitas horas preciosas para discutir as diferentes percepções, ficando estagnado nessa etapa do projeto.

Mas, a solução é simples, às vezes. Tudo o que temos a fazer é chamar nosso cliente e perguntar o que quisermos. Porém, e se eu tiver outras dúvidas? Farei reunião com o cliente dezenas de vezes? Provavelmente ele irá se irritar, e também o fará perder tempo.

Muitas vezes, as equipes ficam presas porque esperam respostas milagrosas e perfeitas, ou perde tempo aguardando uma reunião com a “pessoa certa” para obter as respostas desejadas. Isso é cansativo, principalmente para o cliente. Todos ficam entediados e geralmente leva a uma solução final não tão boa.

O que é Matriz CSD – Certezas, Suposições e Dúvidas

A sigla CSD significa Certezas, Suposições e Dúvidas. E, como bem dito por Alex Bretas, é uma ferramenta utilizada no início dos projetos, que funciona a partir de três questões principais:

  • O que já sabemos a respeito do projeto?
  • Quais são as nossas hipóteses ou o que supomos saber?
  • Que dúvidas temos e quais perguntas poderiam ser feitas?

Com a Matriz CSD, conseguimos definir onde exatamente devemos focar e concentrar nossos esforços no projeto.

Um ponto importante é que esta matriz não é estática, criada somente no início do projeto. Ela deve ser ativa durante o desenvolvimento do projeto, e apresentar as mudanças e avanços, como por exemplo as dúvidas que foram sanadas posteriormente.

Matriz CSD - UX Design

Imagem: LOGOBR

Por que usar Matriz CSD?

Mas por que utilizar essa matriz durante o processo de UX Design? A Matriz CSD é muito útil para fazer o levantamento sobre o que sabemos realmente sobre o projeto. E, principalmente quando trabalhamos em equipe, é crucial ter esse alinhamento.

Quando o projeto é feito por vários profissionais (sejam designers ou não), é natural que tenhamos várias informações e visões de diferentes pontos do trabalho. Com a matriz, podemos centralizar todas as informações e definir exatamente o que precisamos descobrir.

Para começar novos projetos de design ou pesquisa de UX, a matriz é muito útil e pode ser um ótimo ponto de partida. A matriz serve para te dar novas perspectivas sobre o projeto. Ainda, ajuda a promover uma boa gestão da informação e do conhecimento entre os membros do projeto.

Como trabalhar com a Matriz CSD

Para utilizar a Matriz CSD no processo de UX Design, basta juntar a equipe e escrever os pontos sobre o projeto que veem à nossa mente.

Quando toda a equipe entra em um consenso sobre um determinado ponto, este vai para a coluna Certezas. Quando há divergência de opiniões sobre algo, deve ser colocado em Suposições. E, para todo o restante de informação desconhecida pelos membros do projeto, é colocado em Dúvidas.

Simples, não?

Uma ótima forma de trabalhar com a matriz é utilizar post-its. Ou, caso você seja mais digital (como eu), prefira utilizar Trello, que é gratuito e pode ser compartilhado online por todos envolvidos.

Conclusão

Apesar da Matriz CSD ser bastante utilizada em equipe, ela também pode ser usada de forma individual. A partir do momento em que as inclusões vão sendo feitas na matriz, novas certezas, suposições e dúvidas vão criando forma, e as antigas podem ser removidas ou modificadas.

Ao ter a Matriz CSD definida, conseguimos ter uma ideia bastante clara do que todos sabem e não sabem sobre o projeto, auxiliando no momento de decidir o que precisamos fazer, e onde e como obter cada tipo de informação perdida.


Precisa de um site, aplicativo ou quer melhorar seu design?
Você pode contratar a agência Rian Design

Para palestras, workshops e cursos, fale diretamente com o Rian