Se você tem ou está criando uma startup, não há desculpas para não ter um site. É crucial.

É importante saber quais são suas opções quando se trata de desenvolver um site para uma startup, assim como manter seus custos quando você está apenas começando e precisa do seu primeiro site.

Aqui estão todos os itens essenciais que você precisa saber para criar um site para sua startup.

Qual o objetivo do seu site?

Quase todos os freelancers e empresários entenderão que precisam de um site para que suas startups comecem pelo caminho certo.

No entanto, muitos freelancers e empresários novatos realmente não têm uma compreensão clara do que eles esperam os objetivos que seu site atinja.

Sites para validação ou vendas?

Talvez a primeira coisa a perguntar é se você vai usar o seu site como uma forma de validação de negócios ou se vai ser uma ferramenta de vendas.

Muitas empresas iniciantes simplesmente usam seu site para validação. É barato e rápido desenvolver um site com poucas páginas, que mostrem seus contatos, endereço e um texto sobre sua empresa.

O site está lá para que os clientes visitem e conheça sua startup. Se você pretende fazer a maior parte do seu marketing por telefone, pessoalmente ou redes sociais, provavelmente isso é o suficiente.

Você escolhe a estratégia do seu site como parte de sua estratégia geral de marketing. Se você vai entrar em marketing proativo que não é baseado em Search Engine Optimization (SEO) ou Search Engine Marketing (SEM) ou uma combinação dos dois, então um site de validação simples está OK.

Site para startup

Os sites de validação tendem a ser mais simples e mais fáceis de desenvolver e manter.

Eles são uma escolha completamente válida para freelancers, desde que pretendam procurar a maior parte do trabalho fora do site.

Se, por outro lado, você pretende fazer a maior parte do seu marketing online e empregar SEO e SEM para que os clientes venham até você, seu site será uma ferramenta de vendas.

Isso significa que você precisará investir muito mais tempo, dinheiro e esforço para desenvolver seu site. Do contrário, ele estará na internet e ninguém o verá.

Há também várias dicas de como você pode melhorar o ranking de seu site no Google.

Conteúdo para o seu site

Seu site deve, no mínimo, contar sua história de marketing – mesmo que você use apenas o site para validação. Em que visão de mundo você entrará? Quem são seus clientes?

Além disso, você pode querer incluir alguns ou todos os seguintes items:

  • Portfólio para seus clientes poderem ver seu trabalho.
  • Seu currículo para que seus clientes te conheçam e vejam que você é um especialista na sua área.
  • Uma página “Sobre nós” para explicar do que se trata sua startup e qual sua história e valores.
  • Um blog. Mas, calma. Apenas inclua um blog se você tiver tempo para mantê-lo atualizado. Blogs são muito importantes para alavancar seu site no mundo, apesar de algumas pessoas não conhecerem seu real valor. Blog é crucial para caso você queira ser visto no Google, e fazer negócios online através de SEO e SEM.
  • Uma página de contato e formas de contato. Pode parecer óbvio, mas existem muitos sites, mesmo hoje, que parecem projetados para manter os clientes longe. Coloque os telefones e e-mails em todas as páginas (talvez no rodapé) e tenha uma página com um formulário de contato.
  • Depoimentos de clientes. Pode parecer inútil à primeira vista, mas é extremamente importante para mostrar que outras pessoas gostam de seu trabalho e acreditam na sua startup. Isso aumenta a confiança e pode até fidelizar seus clientes. O boca a boca é crucial para que o negócio seja bem-sucedido.

O ponto-chave

Quer saber o maior erro que muitas startups cometem em seus sites, especialmente se eles têm um blog?

Está focando seu conteúdo em pessoas que não são seus clientes.

Não crie conteúdo se não for direcionado ao público-alvo. É realmente melhor publicar nada do que colocar conteúdo que não adiciona valor aos seus clientes.

Não perca tempo fazendo marketing para ninguém.

Conclusão

Seu site pode vender para você ou pode ser uma ferramenta de validação. Isso realmente depende das formas de marketing que você pretende fazer.

Existem agências digitais especializadas em desenvolver sites para startups, simples e funcionais e que poderão te ajudar nessa etapa tão importante.

O que você inclui no seu site depende de você, e pode levar uma certa quantidade de tentativa e erro para obter os melhores resultados com seu público. Mas o conteúdo deve condizer com seu público-alvo e o que sua startup quer oferecer a ele.

Como você vai desenvolver o site de sua startup? Sua startup tem um bom site?


Precisa de um site, aplicativo ou quer melhorar seu design?
Você pode contratar a agência Rian Design

Para palestras, workshops e cursos, fale diretamente com o Rian